Como saber se estou com cárie?

Todo mundo sabe que manter uma boa higiene bucal e realizar visitas periódicas ao dentista são essenciais para ficar longe das cáries.

No entanto, às vezes esquecemos de fazer a escovação ou não fazemos da forma adequada. Além disso, certas doenças e medicamentos podem deixar as pessoas mais propensas ao aparecimento da cárie, mesmo que a escovação esteja em dia.

Nesses casos, é importante ficar atento aos sinais que podem indicar existência dela.

Dor

A dor pode se manifestar de forma latejante, constante ou somente quando morde.

Dependendo da intensidade, a dor pode refletir como enxaqueca ou dor de ouvido.

Opacidade

O esmalte é um tecido mineralizado que envolve o dente e caracteriza-se pelo brilho. Se o dente estiver opaco e aparência muito lisa, pode ser um sintoma da cárie.

 

Sensibilidade

Sensação de incômodo ao ingerir alimentos ou bebidas doces, geladas ou quentes.

Manchas

Consumir alguns alimentos ou fumar provoca o amarelamento dos dentes, mas preste atenção em manchas marrons ou pretas. Manchas brancas também podem ser indicativos de cárie, porém em estágio inicial.

 

Cavidades

Pequenos buracos ou cavidades são originadas pela acidez que corrói o esmalte dentário.

Dificilmente podem ser vistas a olho nu, mas podem ser sentidas pela língua, quando estiverem na superfície, ou com o fio dental, se estiverem entre os dentes.

 

Mau hálito

Uma das causas da cárie é a placa bacteriana, que acumula resíduos de alimentos e causa a temida halitose (mau hálito).

 

Inchaço

Inchaço na gengiva ou na face podem ser indícios de estágio avançado de cárie, possivelmente com inflamação.

É importante saber que, em fase inicial, é muito difícil identificar a cárie, por não apresentar dor nem alteração na aparência e estrutura do dente.

Portanto, se houver incômodo, existe a probabilidade de se tratar de algum problema mais sério.

Muitos desses sintomas também são associados a outras doenças bucais.

Por isso, é indispensável que o paciente com suspeita de cárie vá ao dentista, pois somente um profissional pode confirmar o diagnóstico e indicar o tratamento correto.

Sentiu qualquer sintoma? Precisa de tratamento? #VemPraDenteBelo!

 

Veja também: